Repositório SET

Efeitos da aplicação de treinamento intervalado aeróbico intenso em atletas de water polo

DSpace/Manakin Repository

Show simple item record

dc.contributor.author Godoy, Erik Salum de
dc.contributor.author Dantas, Estélio Henrique Martins
dc.date.accessioned 2014-12-23T18:44:05Z
dc.date.available 2014-12-23T18:44:05Z
dc.date.issued 2003-07
dc.identifier.issn 1676-5133
dc.identifier.uri http://srvdspace01.unit.br:8080/xmlui/handle/set/538
dc.description.abstract Embora o water polo tenha sido o primeiro desporto coletivo a fazer parte do programa olímpico, ao ser incluído nas Olimpíadas de Paris em 1900, são poucas as informações científicas disponíveis na literatura a respeito das demandas da prática e do treinamento de water polo, bem como dos efeitos específicos decorrentes de tais demandas nos atletas desta modalidade esportiva, ao contrário do que ocorre com a natação, que conta com inúmeros dados em publicações científicas. Como tais informações são relevantes para a elaboração de um planejamento eficaz do treinamento e em função de certa similaridade entre alguns métodos de treinamento destas modalidades esportivas, na praxis é possível encontrar recomendações do emprego de referenciais da natação no water polo, o que gera contestações por parte dos treinadores de water polo, pois, em geral, estas recomendações não consideram as diferenças entre tais esportes. Procurando contribuir para reduzir esta escassez de dados, o presente estudo realizou uma investigação sobre os efeitos específicos em atletas de water polo, da aplicação de determinadas cargas de trabalho intervalado, método amplamente empregado no treinamento desta modalidade esportiva. Um grupo de atletas de sexo masculino (n = 10; idade = 20,1 ± 2,33 anos; peso = 78,9 ± 15,48 kg, estatura = 177,2 ± 7,98 cm), experientes e condicionados na referida modalidade esportiva, foram submetidos a uma estrutura de treinamento intervalado denominada por VALDIVIELSO como aeróbico intenso, constituído por 2 séries de 10 repetições de 100 metros, realizadas no estilo crawl, com intervalos de 20 segundos entre as repetições e de 2 minutos entre as séries, mantendo uma velocidade compreendida entre 75 e 95% da capacidade máxima individual para o estímulo de 100 metros, verifi cando as medidas das concentrações de lactato sanguíneo (La), frequência cardíaca (FC) e graduação do esforço percebido (Borg). Os resultados deste estudo (La = 10,1 ± 1,87 mmol/l; FC = 167,4 ± 9,16 bpm e Borg = 18 ± 1,0) demonstram que a referida estrutura de treinamento intervalado impõe aos atletas de water polo uma demanda maior do que a que se observaria em atletas de natação, mas não deixa de proporcionar referências iniciais para o controle e a prescrição individualizada do treinamento para desenvolver a resistência geral à fadiga de atletas de water polo. pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.source http://dx.doi.10.3900/fpj.2.4.221.p pt_BR
dc.subject Water Polo pt_BR
dc.subject Treinamento Intervalado pt_BR
dc.subject Lactacidemia pt_BR
dc.subject Frequência Cardíaca pt_BR
dc.subject Graduação da Percepção do Esforço Exercido pt_BR
dc.subject Resistência geral à fadiga pt_BR
dc.title Efeitos da aplicação de treinamento intervalado aeróbico intenso em atletas de water polo pt_BR
dc.type Produção bibliográfica: Artigos completos publicados em periódicos pt_BR
dc.identifier.number v. 2, n. 4 pt_BR
dc.description.localpub Rio de Janeiro pt_BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account